AGÊNCIA DE REPORTAGEM E JORNALISMO INVESTIGATIVO

Pública Indica 16-04-2013

Os repórteres LEANDRO COLON, MARTÍN FERNANDEZ e SÉRGIO RANGEL, da Folha de São Paulo, revelam que o presidente da CBF, José Maria Marin, pagou R$ 70 milhões pela nova sede da entidade quando poderia ter pago R$ 39 milhões. A diferença ocorreu porque a CBF comprou cinco das oito salas comerciais da nova sede de intermediários.

Comentários

Opte por Disqus ou Facebook