AGÊNCIA DE REPORTAGEM E JORNALISMO INVESTIGATIVO

Perguntas Frequentes – Reportagem Pública 2015

Ficou com alguma dúvida sobre o projeto Reportagem Pública 2015, o segundo crowdfunding da Pública para financiar reportagens?

Veja as dúvidas mais frequentes:

O que é o conselho editorial?

O conselho editorial é formado por todas as pessoas que contribuíram com o projeto Reportagem Pública 2015. Após o período de arrecadação, os conselheiros serão convidados a participar da escolha das reportagens financiadas pelo crowdfunding. A partir de março, todo dia 15 a Agência Pública vai colocar para votação três propostas de pauta. Durante 10 meses, o conselho editorial será responsável por decidir o que a Pública vai investigar. Os membros do conselho também participam de um grupo secreto no Facebook.

 

Eu posso votar mais de uma vez na mesma reportagem?

Não. Cada conselheiro da Agência Pública tem direito a um voto por mês.

 

Como eu vou ter acesso ao hotsite?

Assim que o período de arrecadação for encerrado, cada conselheiro receberá por email as instruções de como acessar o site, com login e senha. O acesso ao painel de votação será exclusivo àqueles que contribuírem com o projeto.

 

Quando será o período de votação?

Todo dia 15 será aberta uma nova votação. Os conselheiros têm uma semana para votar em uma das três pautas propostas pela redação da Pública.

 

E se o projeto não atingir a meta de financiamento?

Temos até o dia 06/03 para arrecadar a nossa meta de 50 mil reais. Caso isso não aconteça, todos os apoiadores serão reembolsados.

 

E se a meta for ultrapassada?

Quanto mais dinheiro arrecadado, mais reportagens serão financiadas e mais temas serão escolhidos pelos nossos financiadores.

 

Quando as recompensas serão entregues?

As recompensas serão enviadas até dia 31/03. Os livros e o adesivo serão enviados por correio num prazo máximo de 15 dias. Os apoiadores receberão um email com informações sobre a entrega. O “Ocupe a Pública”, workshop prático de como elaborar uma pauta investigativa, será realizado aos sábados, com data a ser definida, na sede da Pública, em São Paulo.

 

Mas a Pública vai deixar de distribuir bolsas para jornalistas?

É claro que não! Seguimos distribuindo bolsas e oferecendo mentorias para repórteres independentes através dos nossos concursos de microbolsas.  Os bolsistas da última edição já estão realizando suas pautas  e nós já estamos planejando a próxima edição!

 

Ainda tem dúvidas? Fale com a gente: contato.publica@gmail.com

Quer doar? Corre lá:  http://catarse.me/pt/reportagempublica2015

Comentários

Opte por Disqus ou Facebook

Acima de qualquer suspeita

| por | 30 de novembro de 2016

Alvo de sete acusações no CNJ e punido em um único processo, o desembargador Luiz Zveiter concorre pela segunda vez à presidência do TJ-RJ após mudança de regra do tribunal permitir a reeleição

Acima de qualquer suspeita

| por | 30 de novembro de 2016

Alvo de sete acusações no CNJ e punido em um único processo, o desembargador Luiz Zveiter concorre pela segunda vez à presidência do TJ-RJ após mudança de regra do tribunal permitir a reeleição