Apoie!

Seja aliada da Pública

Seja aliada

Agência de Jornalismo Investigativo

“Estive em Barretos, no interior de São Paulo, acompanhando a maior festa de peão do mundo. (…) É uma festa que reúne por dia mais de 60 mil pessoas, sem nenhum incidente, com um clima familiar, em que o locutor chega a fazer uma reza, um Pai Nosso, para proteger todos.” – Eduardo Bolsonaro (PSC-SP), deputado federal, no plenário, na terça-feira (1º)

4 de setembro de 2015

Embora a quantidade de ocorrências tenha diminuído 23% em relação a 2014, não é possível dizer que a Festa do Peão de Barretos não registrou nenhum incidente.

De acordo com o balanço feito pelo 33º Batalhão da Polícia Militar, houve 1.078 ocorrências policiais na edição deste ano. No ano passado, foram 1.405. Alguns problemas aumentaram. De acordo com reportagem do G1, ocorreram mais apreensões de armas brancas e de fogo. Enquanto em 2015 foram 13, em 2014 os casos subiram para seis. O número de prisões também cresceu, de 18 para 20. Foram apreendidos também 27 menores, contra seis em 2014. Não foram registrados incidentes graves.

No dia 22 de agosto, uma mulher foi presa em Colina, no interior de São Paulo, com 30 celulares furtados durante o evento. Os policiais localizaram os aparelhos porque um dos proprietários ativou o rastreador e conseguiu descobrir para onde o telefone havia sido levado.

A quantidade de ocorrências em 2015, no entanto, é maior do que a que foi registrada em 2013, quando se registrou um aumento de 96,5% em relação ao ano anterior. Houve 715 ocorrências naquele ano.

Comentários de nossos aliados

 Ver comentários

Esta é a área de comentários dos nossos aliados, um espaço de debate para boas discussões sobre as reportagens da Pública. Veja nossa política de comentários.

Carregando…
Você precisa ser um aliado para comentar.
Fechar
Só aliados podem denunciar comentários.
Fechar

Explore também

A presidente Dilma Rousseff (PT)

Checamos 12 argumentos pró e contra o impeachment

14 de abril de 2016 | por e

Verificamos frases ditas na comissão especial da Câmara pelos juristas Miguel Reale Júnior e Janaína Paschoal, autores do pedido, e pelo ministro da Advocacia-Geral da União, José Eduardo Cardozo, encarregado da defesa da presidente Dilma

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, em viagem ao Espírito Santo

Ministro da Defesa distorce dados sobre militares no déficit da Previdência

17 de fevereiro de 2017 | por

Investigamos a afirmação de Raul Jungmann, que calculou a despesa gerada pelos militares em apenas R$ 13 bilhões

Exagerado, distorcido ou discutível

CPI derrapa ao calcular mortes de negros no Brasil

15 de junho de 2016 | por

Ao dizer que um jovem negro morre a cada 23 minutos no Brasil, relatório do senador Lindbergh Farias (PT-RJ) tirou dados do contexto e usou informações desatualizadas

Mais recentes

Vídeo falso diz que eleições de 2014 foram fraudadas

27 de outubro de 2018 | por

Vídeo de suplente de deputada coloca em dúvida eleições de 2014 com dados irreais e um "especialista" não identificado

Em economia, Bolsonaro cita dados falsos e Haddad subestima e acerta

26 de outubro de 2018 | por , e

Em 4 frases checadas, presidenciável do PSL usou informações falsas; já Haddad citou número inferior ao real e fez uma afirmação correta

Alunos da rede pública de ensino do Distrito Federal realizam atividades: candidatos têm propostas distintas para a área

Haddad exagera e Bolsonaro erra em frases sobre educação

26 de outubro de 2018 | por e

Números foram superestimados por candidato do PT, enquanto presidenciável do PSL citou informações falsas

Login para aliados

Participe e seja aliado.

Fechar