Agência de Jornalismo Investigativo

Afirmação foi feita por Gleisi Hoffmann (PT-PR) durante entrevista, mas dados mostram que porcentual é menor

15 de fevereiro de 2017
A senadora Gleisi Hoffmann,(PT-PR) afirmou que 80% dos aposentados ganham salário mínimo
A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) durante debate no Senado. Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

“Hoje 80% de quem é aposentado na Previdência ganha salário mínimo.” – senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), em entrevista à Rádio Brasil Atual no dia 30 de janeiro.

Convidada a falar soExageradobre a Previdência Social em entrevista à Rádio Brasil Atual, a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) criticou a reforma previdenciária proposta pelo governo Temer e afirmou que 80% dos beneficiários de aposentadorias da Previdência Social são contemplados com apenas um salário mínimo ao mês. Procurado pela reportagem, o gabinete da senadora informou que o dado citado “está no Boletim Estatístico da Previdência Social, disponível no site da Previdência”.

O dado apresentado por Hoffmann foi usado para criticar o fim da política de valorização do salário mínimo. Isso porque 2017 é o primeiro ano desde 2003 em que não houve aumento real do mínimo, ou seja, não houve reajuste acima da inflação. O aumento do salário mínimo para 2017 foi fixado em 6,48%, enquanto o reajuste da aposentadoria para quem ganha acima do salário mínimo foi de 6,58%. Desde 1997 o reajuste para benefícios que ultrapassam o piso não é maior que o reajuste do salário mínimo.

Para tentar descobrir se a informação é verdadeira, o Truco – projeto de checagem da Agência Pública – localizou a última edição do boletim estatístico citado pela assessoria da senadora, que data de dezembro de 2016, mas ele não traz a informação mencionada. O relatório informa apenas qual a porcentagem de beneficiários de todos os programas da previdência que recebe o piso previdenciário, que é equivalente ao salário mínimo. De acordo com a tabela 12 do boletim, 66% dos beneficiários da Previdência Social recebem um salário mínimo por mês. Outros 2,3% recebem valores inferiores ao piso previdenciário; isso ocorre porque, em alguns casos, o valor de uma pensão pode ser dividido entre mais de um beneficiário.

Já o número de brasileiros beneficiados pelo benefício da aposentadoria que recebe este valor por mês é um pouco inferior: 63% das aposentadorias pagas correspondiam ao salário mínimo em dezembro de 2016, de acordo com a assessoria de comunicação da secretaria de Previdência. O dado foi extraído pela área técnica do órgão, responsável pelos boletins estatísticos – como o que foi citado pela parlamentar – e não está disponível para consulta em nenhum site do governo.

A alegação da senadora de que 80% dos aposentados brasileiros recebe um salário mínimo é, portanto, considerada exagerada, já que a afirmação não usa dados certos, mas aponta um conceito verdadeiro ou uma tendência correta.

Truco

Este texto foi produzido pelo Truco, o projeto de fact-checking da Agência Pública. Entenda a nossa metodologia de checagem e conheça os selos de classificação adotados em https://apublica.org/truco. Sugestões, críticas e observações sobre esta checagem podem ser enviadas para o e-mail truco@apublica.org e por WhatsApp ou Telegram: (11) 96488-5119. Acompanhe também no Twitter e no Facebook. A partir do dia 30 de julho de 2018, os selos “Distorcido” e “Contraditório” deixaram de ser usados no Truco. Além disso, adotamos um novo selo, “Subestimado”. Saiba mais sobre a mudança.

Mais recentes

Marina Silva participa de evento da CNA, em agosto de 2018: não há estudos que confirmem dado citado pela candidata

Marina Silva usa dado inexistente sobre leitos ociosos no SUS

20 de setembro de 2018 | por

Candidata da REDE afirma que taxa de ociosidade no sistema é de 50%, mas ministério não possui estatística nacional

Geraldo Alckmin (PSDB) discursa durante o evento da União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs), em agosto: total de homicídios em SP superou o de cidades americanas citadas

Com dado discutível, Alckmin diz que homicídios em Washington e Chicago superam SP

19 de setembro de 2018 | por

Candidato fez comparação para tentar mostrar seu bom desempenho na área de segurança, mas frase pode ser interpretada de duas maneiras

Comemoração do Dia Nacional de Luta das Pessoas Deficientes na Câmara dos Deputados, em 2016: dados sobre essa parcela da população foram exagerados pelo candidato

Eymael exagera dado sobre crianças e jovens com deficiência

18 de setembro de 2018 | por

Levantamentos do IBGE mostram que parcela dos brasileiros nessa condição é menor do que o porcentual citado pelo candidato

Truco!

Arruda promete que menos imposto reduz preço do gás, mas repasse do desconto é incerto

21 de setembro de 2018

Redução do ICMS não garante que o custo ao consumidor irá cair na mesma proporção, pois atravessadores podem aumentar margens de lucro

Helder Barbalho diz que construiu o estádio municipal de Ananindeua, mas a obra nunca foi concluída

21 de setembro de 2018

Em visita ao local em que teria sido construída a praça esportiva, na periferia de Ananindeua, o Truco nos Estados concluiu: o estádio citado por Helder nunca existiu.

Correto: Adalclever Lopes foi eleito presidente da Assembleia por unanimidade em duas ocasiões

21 de setembro de 2018

Em 2015, ele era o candidato de uma chapa única e, na reeleição em 2016, também foi o único a pleitear a presidência da casa

Explore também

Ângela e os homicídios entre jovens. Zap!

20 de outubro de 2015 | por

“Os índices de mortes por armas de fogo são em média duas vezes maiores entre pessoas de 15 e 29 anos”, afirmou Ângela Portela (PT-RR), senadora, no plenário, na segunda-feira (19)

O deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) em entrevista coletiva, em junho

Bolsonaro não denunciou aumento de energia e gasolina

27 de setembro de 2017 | por

Mensagem falsa que circula no WhatsApp atribui a deputado federal alerta sobre reajustes que não vão acontecer

Renan e Cunha fazem balanço do semestre. Truco!

3 de agosto de 2015 | por

Os presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), gravaram vídeos para fazer um balanço das atividades de senadores e deputados federais. Veja a nossa análise sobre o que eles disseram