Agência de Jornalismo Investigativo

O Truco é o projeto de fact-checking da Agência Pública.

Verificamos falas, correntes e informações em circulação na internet ou em redes sociais para saber se são verdadeiras ou não. Nosso objetivo é aprimorar o discurso público e a democracia, tornando políticos e personalidades públicas mais responsáveis por suas declarações. A preocupação permanente do Truco é analisar diferentes discursos e pontos de vista, sem qualquer distinção partidária ou ideológica.


Veja também o site Truco nos Estadosque traz checagens das campanhas de 2018 para governador no Ceará, em Minas Gerais, no Pará, no Paraná, em Pernambuco, no Rio Grande do Sul e em São Paulo.

Checagens mais recentes

Lindbergh e o crime de terrorismo. Zap!

30 de outubro de 2015 | por

“[Do jeito que está, o projeto de tipificação do terrorismo] é um projeto que abre as portas para criminalizar movimentos sociais”, afirmou Lindbergh Farias (PT-RJ), senador, no plenário, na quarta-feira (28)

Marcos Montes e o Estatuto do Desarmamento. Blefe!

30 de outubro de 2015 | por

“O Estatuto do Desarmamento só vale hoje para as pessoas honestas, pois os bandidos estão armados até os dentes; o Estatuto do Desarmamento não produziu qualquer efeito positivo”, disse Marcos Montes (PSD-MG), na quarta-feira (28), em reportagem publicada no site da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA)

Truco, Maria do Rosário!

30 de outubro de 2015 | por

Segundo a deputada Maria do Rosário (PT-RS), 20% dos arranjos familiares no Brasil seriam desconsiderados pelo Estatuto da Família; questionamos a parlamentar sobre esse número e explicamos as estatísticas

Serraglio e demarcações de terras indígenas. Blefe!

29 de outubro de 2015 | por

“O que mais se censura na proposta é que a criação de reservas indígenas se tornaria praticamente irrealizável porque os projetos viriam do Executivo e, aqui no Congresso, não seriam encaminhados”, afirmou Osmar Serraglio (PMDB-PR), na terça-feira (27)

Marcos Rogério e aborto legal. Blefe!

23 de outubro de 2015 | por

“[A obrigação dos serviços de saúde de encaminhar vítimas de violência sexual à delegacia] protege as provas e busca punir os agressores; não vemos razão para que seja retirada do texto”, disse o deputado Marcos Rogério (PDT-RO), na quarta-feira (21)

Exagerado, distorcido ou discutível

Cunha e o Conselho de Ética. Não é bem assim!

23 de outubro de 2015 | por

“Estou evitando, ficando longe de qualquer ato que possa tratar desse assunto [a representação no Conselho de Ética]. Não tomo nem conhecimento. Não tem nenhum ato praticado por mim, de qualquer natureza, relacionado a isso”, disse Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara, na quinta-feira (22)

Kataguiri e o Conselho de Ética. Blefe!

21 de outubro de 2015 | por

“O impeachment é muito mais dependente de votos de parlamentares, no Conselho de Ética é um debate muito mais técnico”, afirmou Kim Kataguiri, um dos líderes do Movimento Brasil Livre, em entrevista após entrega do pedido de impeachment de Dilma Rousseff na Câmara, na quarta-feira (21)

Ângela e os homicídios entre jovens. Zap!

20 de outubro de 2015 | por

“Os índices de mortes por armas de fogo são em média duas vezes maiores entre pessoas de 15 e 29 anos”, afirmou Ângela Portela (PT-RR), senadora, no plenário, na segunda-feira (19)

Assunção e pequenos agricultores. Blefe!

16 de outubro de 2015 | por

“Na agricultura brasileira, está comprovado que 70% da alimentação vem do pequeno agricultor”, disse Valmir Assunção (PT-BA), deputado federal, na quarta-feira (14), no plenário

Correto, mas falta contexto

Perondi e o TPP. Tá certo, mas pera aí!

16 de outubro de 2015 | por

“No último dia 5, segunda-feira, Estados Unidos, Japão e mais dez países, incluindo três da América Latina, assinaram um acordo multilateral extraordinário, o Tratado Trans-Pacífico, abrangendo 40% da economia mundial, e o Brasil ficou fora de novo.” - Darcísio Perondi (PMDB-RS), deputado federal, na quarta-feira (14), no plenário

Exagerado, distorcido ou discutível

Mendonça Filho e a blindagem de Cunha: Não é bem assim!

15 de outubro de 2015 | por

“Ninguém vai ser blindado por nenhum partido de oposição”, disse Mendonça Filho (PE), deputado federal e líder do DEM, na quarta-feira (14)