Fernando Carneiro acertou: Belém é a capital com pior cobertura em saúde da família

Dos 1,4 milhão de moradores da capital paraense, apenas 348 mil são atendidos pelo programa de atenção básica, segundo dados do Ministério da Saúde.

Saúde

Guilherme Guerreiro Neto, Moises Sarraf, Ercilia Wanzeler
2 minutos

“Belém é a capital com menor índice de atendimento do Programa Saúde da Família, só 24%”, Fernando Carneiro (PSOL), em sabatina promovida pelo portal Roma News, no dia 3 de setembro.

O Truco nos Estados reuniu os dados disponíveis e mais atuais, disponíveis no site do Departamento de Atenção Básica (DAB), do Ministério da Saúde, e concluiu: a declaração do candidato psolista está correta, por isso a frase foi classificada como ‘verdadeira’. Considerando a cobertura da Estratégia Saúde da Família (ESF) para as 27 capitais brasileiras, Belém (PA) de fato ocupa a última posição, com apenas 24%, como afirmou o candidato. Procurada, a assessoria de imprensa de Fernando Carneiro também apontou os dados do DAB como a fonte da declaração.

O candidato Fernando Carneiro (PSOL) foi o primeiro a participar de sabatina com jornalistas do portal Roma News. Foto: reprodução da entrevista.

Os dados disponibilizados pelo DAB, de julho de 2018, mostram que Belém possui 23,99% de cobertura, com 101 equipes da ESF atendendo cerca de 348.450 pessoas de um total de 1,4 milhão de moradores, segundo projeção do Censo 2010 para 2018. Nas últimas colocações ainda estão Salvador (BA), com 28,03%; Maceió (AL), com 28,46%; e Manaus (AM), com 21,35%.

Das 27 capitais, apenas Palmas (TO) e Teresina (PI) alcançam 100% de cobertura da ESF. A capital tocantinense se destaca com 86 equipes para cerca de 286 mil habitantes. Teresina, por sua vez, possui 262 equipes cobrindo os 850.198 habitantes da capital piauiense.

A Estratégia Saúde da Família, segundo definição do Ministério da Saúde, “visa à reorganização da atenção básica no País, de acordo com os preceitos do Sistema Único de Saúde, e é tida pelo Ministério da Saúde e gestores estaduais e municipais como estratégia de expansão, qualificação e consolidação da atenção básica“. Cada equipe da ESF deve ser responsável por, no máximo, 4 mil pessoas, sendo que a média recomendada é de 3 mil pessoas.

Cada equipe da ESF é composta por médicos, enfermeiros, auxiliares ou técnicos de enfermagem e agentes comunitários de saúde. Podem ser acrescentados a essa composição os profissionais de saúde bucal: cirurgião-dentista  e/ou técnico em saúde bucal.

Temer não fechou a base flutuante em Óbidos e a Polícia Federal ainda atua no município
Márcio Miranda - DEM
Temer não fechou a base flutuante em Óbidos e a Polícia Federal ainda atua no município

Entreposto logístico na região amazônica, Óbidos teve a atuação da PF reduzida com o fechamento da base flutuante de Candiru. Ainda assim, a polícia possui contingente no município.

Falso, Helder: não houve impedimento ambiental para içar navio naufragado em Barcarena
Helder Barbalho - MDB
Falso, Helder: não houve impedimento ambiental para içar navio naufragado em Barcarena

Navio Haidar que naugrafou com quase 5 mil bois aguarda andamento da licitação para ser retirado do fundo do rio Pará, no porto de Vila do Conde

Márcio Miranda diz que até 3 mil caminhões cruzam Belém diariamente, mas órgãos de trânsito não confirmam o dado
Márcio Miranda - DEM
Márcio Miranda diz que até 3 mil caminhões cruzam Belém diariamente, mas órgãos de trânsito não confirmam o dado

Em entrevista à rádio Unama FM, o candidato usou a circulação de caminhões na capital paraense para justificar a implantação de um projeto logístico na cidade

PA Candidatos - Pará