Agência de Jornalismo Investigativo

Esta política de privacidade define como a Agência Pública usa e protege todas as informações que você nos fornece ao usar este site ou nosso aplicativo móvel.

4 de maio de 2017
11:15
Este texto foi publicado há mais de 4 anos.

Esta política de privacidade define como a Agência Pública usa e protege todas as informações que você nos fornece ao usar este site ou nosso aplicativo móvel.

A Agência Pública está empenhada em garantir que a sua privacidade seja protegida. Se pedirmos que você forneça certas informações pelas quais você pode ser identificado ao usar este site ou nosso aplicativo, você pode ter certeza de que elas serão usadas apenas de acordo com esta política de privacidade.

A Agência Pública pode alterar esta política de tempos em tempos, atualizando esta página. Você deve verificar esta página de vez em quando para garantir que está satisfeito com as alterações. Esta política entra em vigor a partir de 9 de junho de 2015.

O que nós coletamos

Dados pessoais: quaisquer dados pessoais que você insira no site dentre eles, nome completo,  e-mail, telefone, endereço completo, CPF, CNPJ, data de nascimento, dados de cartão de crédito.

Informações técnicas: quaisquer informações relativas às atividades de navegação dentro do Site, dentre elas, a URL de acesso anterior e posterior ao SITE, tipo de navegador utilizado, IP’s de acesso, páginas visitadas, buscas realizadas, projetos visitados, mensagens trocadas, dentre outras informações.

O que fazemos com a informação que recolhemos

Solicitamos essas informações para entender suas necessidades e lhe prestar um melhor serviço e, em particular, pelos seguintes motivos:

  • Envio de newsletters
  • Inclusão no programa de Aliados
  • Manutenção de registros internos. Podemos usar as informações para melhorar nossos produtos e serviços.
  • Melhorando sua experiência.
  • Segurança

Temos o compromisso de garantir que suas informações estejam seguras. Para evitar o acesso ou divulgação não autorizados, implementamos procedimentos físicos, eletrônicos e administrativos adequados para salvaguardar e proteger as informações que coletamos online.

Como usamos cookies

Um cookie é um pequeno arquivo que pede permissão para ser colocado no disco rígido do seu computador ou meio de armazenamento do seu telefone. Depois de concordar, o arquivo é adicionado e o cookie ajuda a analisar o tráfego da web ou permite que você saiba quando visitar um determinado site. Os cookies permitem que os aplicativos da web respondam a você como um indivíduo. A web e os aplicativos móveis podem ajustar suas operações às suas necessidades, gostos e desgostos, reunindo e lembrando informações sobre suas preferências.

Usamos logs de tráfego para identificar quais páginas estão sendo usadas. Isso nos ajuda a analisar dados de tráfego e melhorar nosso site e aplicativo, de forma a adequá-los às necessidades do cliente. Usamos essas informações apenas para fins de análise estatística e, em seguida, os dados são removidos do sistema.

Em geral, os cookies nos ajudam a fornecer a você uma experiência melhor, permitindo-nos monitorar quais páginas você considera úteis e quais não. Um cookie de forma alguma nos dá acesso ao seu computador ou qualquer informação sobre você, a não ser os dados que você decidir compartilhar conosco.

Você pode optar por aceitar ou recusar cookies. A maioria dos navegadores da web aceita cookies automaticamente, mas normalmente você pode modificar a configuração do seu navegador para recusar cookies, se preferir. Isso pode impedi-lo de tirar o máximo proveito do site.

Links para outros sites

Nosso site pode conter links para outros sites. No entanto, depois de usar esses, você deve observar que não temos nenhum controle sobre esse outro site. Portanto, não podemos ser responsáveis ​​pela proteção e privacidade de qualquer informação que você fornecer enquanto visita tais sites e tais sites não são regidos por esta declaração de privacidade. Você deve ter cuidado e observar a declaração de privacidade aplicável ao site em questão.

Controle de suas informações pessoais

Você pode optar por restringir a coleta ou uso de suas informações pessoais das seguintes maneiras:

  • Não aceite cookies
  • Não faça login em nosso aplicativo com o Facebook

Se você já concordou que usássemos suas informações pessoais para fins de marketing direto, você pode mudar de ideia a qualquer momento, escrevendo ou enviando um e-mail para contato@apublica.org, ou nos contatando aqui.

Não venderemos, distribuiremos ou alugaremos suas informações pessoais a terceiros, a menos que tenhamos sua permissão ou sejamos obrigados por lei a fazê-lo.

Você pode solicitar detalhes das informações pessoais que mantemos sobre você de acordo com a Lei de Proteção de Dados de 1998. Uma pequena taxa pode ser cobrada. Caso deseje uma cópia das informações mantidas a seu respeito, escreva para contato@apublica.org.

Se você acredita que alguma informação que temos sobre você está incorreta ou incompleta, por favor, escreva ou envie um e-mail o mais rápido possível para o endereço acima. Corrigiremos imediatamente qualquer informação considerada incorreta.

Seja aliada da Pública

Todos precisam conhecer as injustiças que a Pública revela. Ajude nosso jornalismo a pautar o debate público.

Mais recentes

Busto novo de Carlos Lamarca no Vale do Ribeira

“Carlos Lamarca é muito maior do que Bolsonaro”, diz Claudia, filha do guerrilheiro

17 de setembro de 2021 | por

Ato em memória dos 50 anos da morte de Lamarca hoje colocou um novo busto no lugar do arrancado em 2017 por Ricardo Salles

Agente do Prevfogo encara queimada em mata aberta. Ele usa vestimenta amarela com equipamento de proteção.

Conhecimento indígena inova estratégia de combate a incêndios

17 de setembro de 2021 | por e

Saberes ancestrais sobre o uso controlado do fogo para evitar queimadas, reconhecidos pela ciência, inspiram projeto de lei que institui nova política de combate a incêndios

Integrantes do MST protestam em frente ao edifício da Bayer contra as ações e produtos da empresa

Bayer aposta em “propaganda positiva” após processos por agrotóxicos e contraceptivos

16 de setembro de 2021 | por

Nas redes, empresa fala em cuidado com meio ambiente e direitos da mulher; atrás das telas paga bilhões em acordos judiciais e enfrenta acusações de doenças causadas por pesticidas