Curta-metragem de animação conta a história de Luis Cardona, sequestrado durante uma investigação jornalística

Curta-metragem de animação conta a história de Luis Cardona, sequestrado durante uma investigação jornalística

18 de janeiro de 2017
12:03
Este texto foi publicado há mais de 4 anos.

“Soy el número 16” é um curta-metragem de animação, no qual o jornalista mexicano Luis Cardona narra seu sequestro e a tortura sofrida durante uma investigação jornalística.

Debruçado sobre o sequestros de 15 jovens no centro Casas Grandes, em Chihuahua, México, Cardona foi o 16 sequestrado. A história envolve agentes do governo e narcotraficantes. 

A animação pretende ser a primeira de uma série sobre defensores de direitos humanos e jornalistas. “Soy el número 16” foi finalista da categoria inovação do Prêmio Gabriel García Márquez 2016.

O trabalho foi dirigido por Rafael Pineda “Rapé” e Leopoldo Hernández e publicado originalmente no site mexicano Pie de Página.

A seguir, o vídeo com as legendas em português.

Soy el numero 16 from Agência Pública on Vimeo.

[relacionados]

Seja aliada da Pública

Todos precisam conhecer as injustiças que a Pública revela. Ajude nosso jornalismo a pautar o debate público.

Mais recentes

Busto novo de Carlos Lamarca no Vale do Ribeira

“Carlos Lamarca é muito maior do que Bolsonaro”, diz Claudia, filha do guerrilheiro

17 de setembro de 2021 | por

Ato em memória dos 50 anos da morte de Lamarca hoje colocou um novo busto no lugar do arrancado em 2017 por Ricardo Salles

Agente do Prevfogo encara queimada em mata aberta. Ele usa vestimenta amarela com equipamento de proteção.

Conhecimento indígena inova estratégia de combate a incêndios

17 de setembro de 2021 | por e

Saberes ancestrais sobre o uso controlado do fogo para evitar queimadas, reconhecidos pela ciência, inspiram projeto de lei que institui nova política de combate a incêndios

Integrantes do MST protestam em frente ao edifício da Bayer contra as ações e produtos da empresa

Bayer aposta em “propaganda positiva” após processos por agrotóxicos e contraceptivos

16 de setembro de 2021 | por

Nas redes, empresa fala em cuidado com meio ambiente e direitos da mulher; atrás das telas paga bilhões em acordos judiciais e enfrenta acusações de doenças causadas por pesticidas