Agência de Jornalismo Investigativo

Precisamos bater a meta de R$ 80 mil para produzir oito reportagens que serão escolhidas por você!

20 de outubro de 2017

O último mês foi cheio de emoções aqui na Pública. No dia 12 de setembro, lançamos nosso terceiro crowdfunding, que vai financiar a terceira edição da Reportagem Pública, projeto que fazemos em parceria com nossos leitores. Agora, falta uma semana para a campanha acabar e você pode fazer parte do nosso conselho editorial!

Funciona assim: todo mês, nossos repórteres propõem três pautas para os apoiadores do projeto e eles decidem qual devemos investigar. Fizemos uma animação que explica como é:

A Reportagem Pública só acontece se batermos a meta de R$ 80 mil em uma semana. É com esse dinheiro que vamos financiar oito reportagens que serão escolhidas por quem apoiar o crowdfunding. Um ótimo exemplo de reportagem escolhida pelos leitores é o “Especial Quilombolas”, realizado na Reportagem Pública 2015 e que neste mês ganhou o Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos!

Se não conseguirmos o dinheiro até dia 27 de outubro, as contribuições que recebemos até agora serão devolvidas para as mais de 700 pessoas que já apoiaram e o projeto não vira realidade. Já recebemos apoios muito importantes, mas ainda precisamos da sua contribuição para fazer reportagens investigativas!

Acreditamos que a participação e o engajamento dos  leitores é fundamental para um jornalismo mais independente. Venha ser parte do conselho editorial da Pública!

Apoie a Reportagem Pública!

https://www.catarse.me/reportagempublica2017

 

Comentários

Mais recentes

Terra à vista no Matopiba

18 de Maio de 2018 | por

Nos últimos 15 anos, área de cerrado do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia foi alvo de grandes aquisições de terras por investimentos estrangeiros; em algumas regiões o preço do hectare teve índices superiores a 270% de valorização real

Empresa que integra fundo de Harvard comprou terras griladas na Bahia

17 de Maio de 2018 | por

Propriedade de fundo bilionário da universidade americana explora terras no cerrado com longo histórico de expulsões, fraudes e mortes

Nos baixões do Piauí, paga-se o preço do progresso do Matopiba

17 de Maio de 2018 | por

Na região conhecida como Matopiba, empresas de agronegócio compram terras com títulos duvidosos e entram em conflito com comunidades do cerrado; no Piauí, os relatos são de expulsões de famílias, incêndios de casas e contaminação dos rios

Explore também

O inferno dos haitianos deportados dos EUA

18 de novembro de 2011 | por

A administração Obama continua deportando haitianos, que são detidos ilegalmente quando chegam ao país e levados para cadeias superlotadas em plena epidemia de cólera

Exagerado, distorcido ou discutível

Mendonça e fosfoetanolamina. Não é bem assim!

26 de novembro de 2015 | por

“Entendo que a pesquisa [da fosfoetanolamina] deve estar à frente de tudo e que devemos ter cuidado com milagreiros. Mas, nesse caso específico, fiquei surpreso com tantas curas e resultados positivos”, afirmou Rogério Peninha Mendonça (PMDB-SC), deputado federal, no plenário, na terça-feira (24)

ARAGUAIA: Depoimentos de colaboradores – 1

20 de junho de 2011 | por