Podcast quinzenal da Agência Pública se junta ao primeiro coletivo de podcasts feitos exclusivamente por jornalistas

Podcast quinzenal da Agência Pública se junta ao primeiro coletivo de podcasts feitos exclusivamente por jornalistas

29 de janeiro de 2021
10:00

O Pauta Pública, podcast quinzenal da Agência Pública, é o mais novo integrante da Rádio Guarda-Chuva, rede de podcasts feito por jornalistas. A produção agora vai contar com uma vinheta que identifica a rede e com recomendações dos podcasts parceiros, como Finitude, de Juliana Dantas e Renan Sukevicius, Rádio Escafandro, de Tomás Chiaverini,  Põe na Estante, de Gabriela Mayer, Budejo e Vida de Jornalista, apresentado por Rodrigo Alves.

O Pauta Pública segue com apresentação dos editores e repórteres da Pública Andrea Dip e Thiago Domenici, que a cada episódio conversam com um jornalista sobre reportagens que nos ajudam a entender esses tempos tão complexos.  

A entrada do Pauta Pública na Rádio Guarda-Chuva é uma forma de consolidar a produção e aumentar sua visibilidade entre as pessoas que já estão acostumadas a ouvir podcasts jornalísticos. A Rádio Guarda-Chuva foi criada em 2019, a partir do encontro de três podcasts produzidos por jornalistas e funciona como um selo de qualidade para guiar os ouvintes. Além de ser uma rede de produtores de podcasts, a Rádio Guarda-Chuva também se envolve na criação de alguns produtos em áudio, como o Giro Latino, um podcast sobre notícias da América Latina, o Vala de Perus, em parceria com o Instituto Vladimir Herzog, que narra a descoberta de um cemitério clandestino em São Paulo.

Desde setembro de 2020, o Pauta Pública traz quinzenalmente conversas com repórteres da Pública e de outras redações sobre reportagens que ajudam a compreender o Brasil. Já passaram pelo podcast a co-diretora da Pública, Natalia Viana, entrevistada sobre as colaborações entre o FBI e a Lava Jato; o repórter Rubens Valente, que revelou o “Dossiê Antifascista” produzido pelo Ministério da Justiça com informações de centenas de servidores públicos; e a repórter Juliana Dal Piva, que investiga as “rachadinhas” e a família Bolsonaro. Além das entrevistas, o Pauta Pública traz sempre o Personagem da Semana, coluna assinada por Natalia Viana, um giro pela redação da Agência Pública e o quadro “A boa do povo”, com dicas culturais dos apresentadores e entrevistados. O Pauta Pública é realizado com o apoio de mais de 1.500 Aliados, que contribuem mensalmente com o trabalho da agência.

Seja aliada da Pública

Todos precisam conhecer as injustiças que a Pública revela. Ajude nosso jornalismo a pautar o debate público.

Mais recentes

Brasileiros indocumentados não encontram onde morar e vivem de doações nos EUA

Brasileiros indocumentados não encontram onde morar e vivem de doações nos EUA

27 de outubro de 2021 | por

2021 bate recorde em número de brasileiros tentando atravessar a fronteira entre EUA e México; aumento de fluxo afeta a busca por trabalho e encarece o aluguel

“Ataque aos índios não veio agora”, diz procurador da 1ª condenação por genocídio no país

“Ataque aos índios não veio agora”, diz procurador da 1ª condenação por genocídio no país

26 de outubro de 2021 | por

Luciano Mariz Maia, que atuou na primeira condenação por genocídio no Brasil, comenta pedido de indiciamento do presidente Jair Bolsonaro, descartado pela CPI do Senado

A crise dos indígenas Avá-Guarani desterrados por Itaipu

A crise dos indígenas Avá-Guarani desterrados por Itaipu

25 de outubro de 2021 | por

Em meio à miséria e à tentativa de retomada do território, os suicídios de jovens indígenas aumentam a emergência social da etnia que vive às margens do rio Paraná