Assista ao vídeo do Center for Investigative Reporting e entenda que os custos de um hambúrguer vão além do preço pago no balcão de uma lanchonete

Assista ao vídeo do Center for Investigative Reporting e entenda que os custos de um hambúrguer vão além do preço pago no balcão de uma lanchonete

22 de agosto de 2012
09:46
Este texto foi publicado há mais de 9 anos.

Os norte-americanos amam hambúrgueres – cada habitante dos EUA come uma média de três hambúrgueres por semana. Mas quais são os custos secretos desse consumo? Acontece que o gado produz uma quantidade de poluição que contribui para o efeito estufa tanto quanto carros, aviões e outros meios de transporte, além de ter um forte impacto ambiental sobre a terra e a água do planeta. Como é possível reduzir esse impacto? Saiba mais neste curta de animação do Center for Investigative Reporting.

(o vídeo possui legenda em português)

Veja o vídeo original, aqui.

Seja aliada da Pública

Todos precisam conhecer as injustiças que a Pública revela. Ajude nosso jornalismo a pautar o debate público.

Mais recentes

Redes sociais fecham parceria com TSE, mas não deixam claro como irão banir desinformação

26 de maio de 2022 | por

Plataformas prometem divulgar conteúdo oficial sobre as eleições e identificar postagens de políticos, mas há dúvidas se conteúdos falsos sobre processo de votação serão banidos

O presidente Jair Bolsonaro participou no domingo 8/8/2021 de um passeio de moto em Brasília em homenagem ao Dia dos Pais. A manifestação reuniu apoiadores do presidente, que se concentraram em frente ao Palácio do Planalto, na Praça dos Três Poderes.

PSB e PT monitoram extremistas de direita durante eleições

25 de maio de 2022 | por

Grupos de inspiração paramilitar, CACs e neonazistas estão no radar dos partidos que apoiam a candidatura de Lula

Imagem mostra extensão da Serra do Curral, área de preservação de mata nativa em Minas Gerais

Zema coloca prima de chefe de mineradora em órgão que decide mineração na Serra do Curral

23 de maio de 2022 | por

Presidente anterior do Iepha foi exonerado após enviar ofício ao Ministério Público revelando possível ilegalidade no processo de licenciamento do empreendimento da Tamisa