Agência de Jornalismo Investigativo

Inauguramos o ano de 2018 com uma baita mudança: nosso novo site.

15 de janeiro de 2018

Foram quase doze meses de trabalho de nossa equipe com a designer Luiza Peixe e o desenvolvedor Babak Fakhamzadeh para construir o site que será a nova casa da Pública. Neste 15 de janeiro, o leitor vai poder conhecer o novo site, mais bonito e responsivo, com uma arquitetura condizente com as mudanças na nossa produção.

A partir de agora, nosso conteúdo será classificado de acordo com o gênero de jornalismo: reportagem, entrevista, crônica, checagem e jornalismo de dados são alguns deles. Todos os nossos autores agora têm uma página própria, com uma pequena biografia, redes sociais e contato, se for o caso. Fica mais fácil para o leitor interagir com os repórteres.

Melhoramos também a busca do site – sim, sabíamos que ela deixava muito a desejar – e integramos todos os nossos sites especiais ao conteúdo cotidiano. Agora, o leitor vai poder encontrar com muito mais facilidade nossas coberturas sobre a Amazônia, a Olimpíada, e nossos projetos com o WikiLeaks, por exemplo. Também criamos templates especiais para valorizar o conteúdo multimídia, em especial os vídeos, que têm se tornado um formato prioritário.

Outra novidade é a seção de “Ensaios Fotográficos”, criada para dar espaço a repórteres fotográficos que percorrem o mundo atrás de boas histórias. Inauguramos essa seção com um ensaio do carioca André Mantelli, que está no México participando do começo da campanha dos zapatistas à presidência do país, uma decisão inédita na história deste movimento.

Criamos, ainda, uma página de Transparência que detalha nossa política de financiamento, nossos principais financiadores e, claro, traz o nome de cada um dos leitores que nos apoiou nas três campanhas de crowdfunding – cerca de 3 mil pessoas.

Nas próximas semanas podem aparecer alguns probleminhas durante a navegação. Por isso, pedimos ao leitor que avise se encontrar algum bug, nos ajudando a deixar o site ainda mais pronto para este ano de 2018. Que, aqui na Pública, vai ser gigante. Teremos muitas novidades.

Recente

O que rolou no Festival 3i no Recife

16 de novembro de 2018 | por e

Diretores de redações tradicionais e meios digitais trocaram experiências sobre como lidar com ataques virtuais e polarização e como inovar no meio digital

Essa foto não pode ser publicada separadamente

Sob o domínio do medo

14 de novembro de 2018 | por e

Em 14 meses de operações comandadas por militares, moradores da Rocinha sofrem com tiroteios e choram mortes de parentes e vizinhos; sintomas de doenças mentais decorrentes da violência cotidiana são cada vez mais frequentes

É preciso trabalhar em rede para não deixar a democracia ruir

14 de novembro de 2018 | por

Para a presidente da Fundação Rosa Luxemburgo e cientista social Dagmar Enkelmann, é essencial a união entre setores da esquerda e do centro, mesmo com divergências, para enfrentar a onda reacionária que se levanta no mundo

Do cofre

São Gabriel e seus demônios

15 de maio de 2015 | por

Nossa repórter foi até o alto rio Negro, no noroeste do Amazonas, em busca de entender por que o município mais indígena do Brasil é também o que tem o maior índice de suicídios

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em sessão na Câmara.

| De olho | Votações ameaçam causar impacto de R$ 36,7 bilhões nos cofres públicos

28 de agosto de 2015 | por

Eduardo Cunha deve colocar em pauta projeto de lei complementar que trata do Supersimples

Anatomia de um crime

23 de março de 2017 | por

Repórter da Pública percorre a história do Maracanã, patrimônio cultural destruído com autorização do Iphan e abandonado pelo poder público depois de mais de R$ 1,3 bilhão gasto em obras suspeitas de alimentar a corrupção