Buscar
Agência de jornalismo investigativo

Mais recentes

RG de Maxciel Pereira está sobre uma camiseta verde da Funai. O servidor atuava no Vale do Javari e foi assassinado em 2019

Rede de advogados cobra solução de assassinato de indigenista no Amazonas em 2019

Por

Há quase 4 anos, Maxciel Pereira, da Funai, foi assassinado em Tabatinga e o crime segue impune
O governador do Paraná, Ratinho Jr, durante entrevista. Ratinho Jr. é um homem branco com cabelos e olhos escuros.

Governo Ratinho Jr. põe ex-cunhado e doadores de campanha no controle da loteria do Paraná

Por

Tribunal de Contas aponta improbidade; Presidente do TCE teria pedido que licitação não seja suspensa
O procurador Geral da República, Augusto Aras, durante sessão do STF

A reação seletiva de Augusto Aras aos relatórios da Abin na pandemia

Por

A PGR sabe desde 2021 que relatórios sobre a pandemia foram entregues pela Abin à Casa Civil
Artistas, ativistas, movimentos sociais, políticos e coletivos se apresentaram e discursaram no palco da Praça da República onde houve a concentração para a marcha das mulheres negras.

“Marielle, presente” na Marcha das Mulheres Negras em São Paulo

Por

Ensaio fotográfico mostra como foi a 8ª edição do ato que tomou as avenidas do centro da capital paulista
Durante sessão solene em memória de Marielle Franco e Anderson Gomes, deputados expõe faixa preta com o desenho da ex-vereadora e os dizeres "Quem mandou matar Marielle?"

Caso Marielle avança, mas achar mandante ainda é desafio

Por

Investigação da PF traz novidades, mas ainda não há provas sobre quem mandou matar vereadora e seu motorista
Maria Cristina Quirino Portugal, é uma mulher de 43 anos, branca, com cabelos e olhos pretos. Maria Cristina usa uma camiseta com o rosto de seu filho Denys Henrique estampado. Denys foi morto no massacre de Paraisópolis.

Paraisópolis: a 1°audiência 3 anos e sete meses depois da ação que matou nove jovens

Por

Em entrevista à Pública, pesquisadora e mãe de adolescente morto no massacre diz como tem sido a luta por justiça

Faça parte

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino

Como o Ministério da Justiça blinda as gestões de Moro, Mendonça e Torres

Por

Pasta de Flávio Dino não cumpre decisão da CGU favorável à Pública sobre relatórios produzidos no governo Bolsonaro
Juliana Assange, jornalista e fundador do wikileaks

A valentia dos cientistas e o silêncio da imprensa sobre a extradição de Assange

Por

SBPC mobiliza sociedade e pede asilo ao fundador do WikiLeaks enquanto imprensa segue calada

Flávio Dino diz já ter novidades no caso Marielle: “Vamos chegar a uma solução do crime”

Por ,

Ministro da Justiça falou à Pública ainda sobre narcogarimpo, extremismo político, bolsonarismo e violência nas escolas
Corredor da Cadeia Pública de Cascavel tem 1000% de superlotação

Cadeia em Cascavel com 1000% de superlotação deveria estar inativa desde 2016

Por

O ex-governador Beto Richa chegou a derrubar um dos muros da unidade no dia em que anunciou a desativação da cadeia
Entregador do iFood em frente a restaurante aguardando pedido

iFood assina acordo de milhões com MPs após denúncia da Agência Pública

Por

As agências de publicidade Benjamim Comunicação e Social Qi também terão de cumprir uma série de obrigações; entenda
Angela Davis é uma mulher negra com cabelos cacheados, ela usa óculos cachecol e camisa de mangas compridas. Angela posa para a foto com a mão no queixo.

Angela Davis defende feminismo abolicionista e que justiça não seja vingança

Por

Filósofa visita o Brasil para lançamento do livro “Abolicionismo. Feminismo. Já.”, acompanhada pela coautora Gina Dent
Ilustração em preto e branco mostra um homem de camisa social e gravata digitando em uma máquina de escrever. No lugar de suas mãos estão miniaturas de soldados empunhando armas

MPF investiga 12 empresas por violações de direitos humanos na ditadura militar; entenda

Por

Os próximos passos da investigação no Ministério Público Federal poderão levar empresas a ter que pagar reparações

Regulamento – Microbolsas Egressos do Sistema Prisional

Por

Leia o regulamento e faça sua inscrição

Atenção repórter: inscrições abertas para as Microbolsas Egressos do Sistema Prisional

Por

Pública e Instituto Pro Bono vão distribuir 4 bolsas de R$ 8 mil para repórteres investigarem a vida após o cárcere
Carlos Roberto, pedreiro preso por um suposto crime cometido há 20 anos atrás, em um estado que ele nunca visitou. Carlos é um homem branco de cabelos grisalhos. Na imagem vemos o rosto dele sobreposto ao mapa do Brasil, sinalizando a distância entre o estado onde o crime teria sido cometido e o estado onde ele vive

Pedreiro é preso vinte anos depois por crime em estado onde nunca esteve

Por

Carlos Roberto, que sempre viveu no Rio de Janeiro, é acusado por um flagra de drogas em cidade do Espírito Santo
Casal de mulheres com seus filhos.

Mães LGBTQIA+ não gestantes vivem batalhas por licença-maternidade

Por

Compreensão de que maternidade está exclusivamente relacionada à gestação faz com que famílias sejam privadas de direito
Na imagem, um papel escrito ''Firme'' colado em um muro

Processo contra estudantes que ocuparam universidade do Paraná em 2016 só terminou em 2023

Por

Universidade Tecnológica do Paraná, ocupada em 2016, pediu multa de R$ 10 mil por jovem
Na imagem, Arthur Lira o presidente da Câmara dos Deputados.

O que revela inquérito sobre assessor de Arthur Lira preso com milhares de reais no corpo

Por

Investigação da PF expõe contradições do presidente da Câmara em caso de 2012, que agora será julgado pelo STF
Na imagem, é possível ver Edson Teles, um homem branco com cabelos pretos. Ele é pesquisador na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e lidera o Centro de Antropologia e Arqueologia Forense (Caaf), ele coordena um projeto cujo objetivo é apontar a responsabilização de empresas por violações de direitos durante a ditadura.

Empresas cúmplices da ditadura: “É preciso fazer das informações um ato de justiça”

Por

Trabalho da Caaf/Unifesp coordenado por Edson Teles revela como empresas violaram direitos no regime de exceção
Vista aérea do Quilombo Kalunga, em Goiás.

Justiça federal determina 30 dias para remoção de invasores do Quilombo Kalunga em Goiás

Por

Cabe ao Governo de Goiás e à União a total reintegração de posse do maior quilombo do país, na Chapada dos Veadeiros
Vista aérea de fazenda do grupo Horita.

Justiça bloqueia fazendas da elite do agronegócio por suspeita de grilagem na Bahia

Por

Decisão impede 19 fazendas de desmatarem num “dos casos mais graves de grilagem registrado” no estado, segundo PGE
Fique por dentro

Receba conteúdos exclusivos da Pública de graça no seu email.