Buscar
Agência de jornalismo investigativo

Mais recentes

Indígenas Pataxó protestam na Praça dos Três Poderes com trajes típicos carregando faixa dizendo ''Justiça Gustavo Pataxó''

Dono de fazenda onde Pataxó foi morto pediu reintegração de posse no dia seguinte ao crime

Por ,

Jovem foi assassinado no começo do mês em ocupação feita pelos indígenas diante de demora na demarcação do território
Ato Ditadura Nunca Mais, em 2019. Em protesto familiares levantam cartazes escritos ''Onde estão os nossos desaparecidos?''

Projeto quer escavar e esquadrinhar em SP um dos piores centros de tortura da ditadura

Por

Pela primeira vez no país, um projeto arqueológico, histórico e forense pretende devassar o terreno e as edificações da antiga sede do DOI-Codi paulista em busca de respostas
João Curina, servidor da Funai em Atalaia do Norte (AM). João é um homem indígena de meia idade, ele tem olhos e cabelos escuros e veste camiseta com gola azul.

A outra chacina do Vale do Javari – e seus ecos no assassinato de Bruno e Dom

Por

Quase perdido na memória nacional, um massacre de indígenas Korubo em 1989 traz à tona as relações familiares entre os autores dos dois crimes
Duda Salabert com camiseta preta escrito "(r)existo"

Duda Salabert “Quando uma travesti é eleita, a sociedade inteira avança”

Por

Em entrevista exclusiva, a candidata a deputada federal falou sobre as eleições de 2022 e a esperança de eleger pessoas trans para o Congresso pela primeira vez
Lançamento da campanha “Contra a Violência no Campo: Em Defesa dos Povos do Campo, das Águas e das Florestas”, articulada pela Cáritas Brasileira

“Vivemos na ponta da bala”: 2022 já superou as mortes no campo em comparação a 2020

Por

Dados preliminares da CPT foram divulgados em lançamento de campanha “Contra a Violência no Campo" que envolve mais de 50 organizações da sociedade civil
Sede da Funai abandonada por falta de estrutura

Coordenador da Funai no Javari pede demissão; é a sexta troca em três anos

Por

Colegas do coordenador disseram que o pedido de dispensa do cargo tem relação direta com o clima de insegurança e as condições de trabalho na região
Rio Solimões visto do porto de Tabatinga

Expansão de roçados de coca no Peru aquece busca por mão de obra indígena no Alto Solimões

Por ,

Na fronteira com o Brasil, “patrões” enviam barcos para recrutar indígenas brasileiros que vivem nas comunidades à beira do rio

Faça parte

Empresa de extração de eucalipto no Vale do Jequitinhonha.

Eucalipto que garante CO2 neutro da Aperam Bioenergia seria responsável por secar reservas

Por ,

Plantações utilizadas para produzir carvão para multinacional estão entre as principais responsáveis pela escassez hídrica no norte de MG, aponta relatório
Parede pichada pelo Comando Vermelho, proíbe roubos na quebrada

Conexões e mortes entre dois estados com a presença do Comando Vermelho

Por

Como a operação que matou mais de 20 pessoas na Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro, se conecta com a guerra entre facções no Pará
Delegado Domingos Sávio, da Polícia Federal, coordena as investigações do assassinato de Bruno e Dom.

Mais cinco já admitiram ocultação de bens e corpos de Bruno e Dom, diz PF

Por ,

Delegado que coordena os trabalhos da Polícia Federal diz que “trabalha com hipótese” de mandante, mas que hoje não tem elementos para indiciar ou fazer buscas contra alguém
Lideranças indígenas do Vale do Javari protestam para comitiva de parlamentares.

Comitiva de parlamentares ouviu de lideranças indígenas que pessoas têm “alvo nas costas”

Por ,

Em reunião com parlamentares, indígenas denunciam que órgãos federais como o Exército, Marinha, Polícia Federal, Ibama e Incra são ausentes do Vale do Javari
Presos acusados do assassinato de Bruno e Dom são levados de barco pela polícia civil e federal para o local do crime, a fim de reconstituir a ordem dos fatos.

Polícia reconstitui assassinato para testar versões de acusados e testemunhas

Por ,

Mais de 20 policiais federais e civis, além de peritos criminais federais, estão envolvidos na reconstituição do assassinato de Bruno e Dom
Representantes indígenas da Univaja durante audiência no Senado

Após mortes de Bruno e Dom, Univaja articula ações em Brasília e é ignorada pelo Executivo

Por

Representantes dos indígenas já apresentaram suas demandas na Câmara, Senado, STF e CNJ; uma comissão de parlamentares vai ao Vale do Javari nesta semana
Delegado Alex Perez, responsável pela investigação do caso Bruno e Dom

“Nada está descartado”: o que diz o delegado que preside o inquérito sobre Bruno e Dom

Por ,

Delegado Alex Perez explica que uma segunda apuração poderá ser aberta e os indícios sobre um eventual mandante ainda são “poucos”
Dezenas de indígenas do Vale do Javari reunidos em frente a sede da Funai em Atalaia do Norte

“Se morrer um indígena no Vale do Javari, a gente vai reagir também”, diz líder kanamari

Por ,

A Agência Pública acompanhou protesto na sede da Funai em Atalaia do Norte (AM) que incluiu cartazes contra o presidente do órgão indigenista e o governo federal
Familiar de Maxciel segura quadro com sua foto. O servidor da Funai atuava no Vale do Javari e foi assassinado em 2019

Família de Maxciel fez investigação própria do caso mas nunca recebeu resposta da PF

Por ,

Parentes criticam investigação do homicídio do ex-servidor da Funai e esperam elucidação do caso após a repercussão do assassinato de Bruno e Dom
Na imagem, mulher indígena toca um cartaz que pede justiça pela morte de Bruno e Dom

“Nós não vamos ficar com medo”, diz líder indígena no Javari

Por ,

Na sede da Univaja, indígenas homenagearam Bruno e Dom: “Não foi um índio que caiu, foi um branco. Mas esse cara era nosso companheiro de luta, era amigo dos povos indígenas”
Chácara onde Bruno Pereira e outros servidores da Funai moraram por um tempo, feita de madeira e com grafites em todas as paredes externas

A cidade adotada por Bruno na Amazônia reflete sua perda

Por ,

O caldo de mocotó e o Sport, o cacique irmão na defesa do Javari: as memórias que Bruno deixou em Atalaia, além de uma casinha branca e uma pequena biblioteca
Ação da GCM mobiliza civis na cracôlandia

“Vagões, disciplinas, travessias, salveiros”: como tráfico se estruturou na Cracolândia

Por

A investigação da Polícia Civil de São Paulo que mapeou a movimentação do fluxo; após quase um ano nas ruas, Operação Caronte prendeu mais de cem pessoas
Amarildo da Costa de Oliveira "Pelado" chegando no porto de Atalaia do Norte com delegado Alex Perez Timóteo

Bruno estava “atrapalhando os negócios” dos assassinos, diz investigador da polícia civil

Por ,

No sentido contrário do que afirmou a PF em nota na semana passada, a Polícia Civil segue investigando se houve ou não mandante para o crime
Fique por dentro

Receba conteúdos exclusivos da Pública de graça no seu email.