Apoie!

Seja aliada da Pública

Seja aliada

Agência de Jornalismo Investigativo

Vale separar uma horinha para ler o especial do site El Confidencial, parceiro da Agência Pública, sobre a maior reserva tropical da América Central. Em espanhol.

6 de maio de 2014
19:21

el-ocaso-de-bosawas

“SOS Bosawas” é um título que já mostra a que veio: trata-se da reserva da biosfera de Bosawas, na Nicarágua, a maior da América Central, com 8 mil quilômetros quadrados de selvas virgens, abrigo de mais de 270 espécies de plantas e 200 espécies de animais. Como na nossa Amazônia, a reserva sofre pelas grilagens e conflitos de terra que atingem principalmente os indígenas mayangnas. E, como aqui, diante da invasão de suas terras, os indígenas sentem a paralisia do governo nicaraguense. 

Um belo trabalho que usa o recurso de scroll para baixo de maneira esperta, permitindo a navegação também por capítulos. “Pela primera vez integramos em uma só plataforma textos, fotografias, vídeos e mapas interativos”, explica Carlos Chamorro, que além de ser apresentador do programa de TV Confidencial dirige o site de mesmo nome. “Além do que está no site fizemos uma edição impressa de 24 páginas e uma reportagem especial de 15 minutos que será transmitida no próximo domingo”.  

Vai lá:  http://www.confidencial.com.ni/bosawas/

Seja aliada da Pública

Faça parte do nosso novo programa de apoio recorrente e promova jornalismo investigativo de qualidade. Doações a partir de R$ 10,00/mês.

Mais recentes

Com aprovação de mais agrotóxicos, apicultores temem novo extermínio de abelhas

22 de agosto de 2019 | por e

Última leva de aprovações do governo Bolsonaro incluiu seis produtos com Sulfoxaflor; pesticida é apontado como causador de morte de enxames

Tapirapé defendem território de invasores por conta própria

21 de agosto de 2019 | por

Há 16 anos os indígenas aguardam a Justiça expulsar os que desmatam a TI Urubu Branco, em Confresa (MT); recursos judiciais de fazendeiros atrasam desintrusão

Kataguiri admite pressão ruralista e de governo em substitutivo contra controle ambiental

20 de agosto de 2019 | por

Puxão de orelha de presidente da Câmara obriga deputado a rever texto que coloca em risco 87% de áreas quilombolas, 22% de terras indígenas e unidades de conservação