Agência de Jornalismo Investigativo

Babak Fakhamzadeh

Gambiahero

Babak já estava trabalhando na ICT4D antes de ter um nome (2001), e agora cria soluções “full-stack”. Ele trouxe fotomaratonas para a África (2007) e ganhou o “Highway Africa New Media Award” (2007) junto com Ismail Farouk. Seu trabalho foi selecionado para representar Uganda no “UN World Summit Award” duas vezes (2011, 2012), e foi vencedor na competição global em 2012, junto com Eduardo Cachucho. Em 2016, trabalhando com a Agência Pública, venceu o Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos. Em 2017, o Museu do Ontem, primeiro aplicativo da Pública, venceu o “UN World Summit Award”. No mesmo ano, outros sites especiais da Pública foram nomeados para o prêmio Gabriel García Márquez e o Prêmio Petrobras de Jornalismo. Ele teve as duas exposições de fotografia conjuntas (2007) e solo (2011) e criou o que provavelmente foi o primeiro tour da cidade baseado em telefone celular (2004) e o primeiro passeio baseado em “QR-codes” (2009). Seu “Lorem Ipsum” de imagens (2014) tem atualmente cerca de 3 milhões de usos por mês.


Mais recentes

Coleção Particular

27 de novembro de 2017

Produto do quarto LAB realizado na Casa Pública, este especial transmidia investiga o roubo de espaços públicos por agentes privados - muitas vezes com a conivência de governos.

100

20 de julho de 2016

Entrevistamos 100 famílias removidas por causa da Olimpíada no Rio de Janeiro.