Apoie!

Seja aliada da Pública

Seja aliada

Agência de Jornalismo Investigativo

Natalia Viana

Codiretora e editora

Natalia Viana é jornalista há 20 anos, diretora e co-fundadora da Agência Pública e Jornalismo Investigativo. É autora e co-autora de quatro livros sobre violações direitos humanos: Plantados no Chão (Conrad, 2007), Jornal Movimento, uma Reportagem (Manifesto, 2010) e Habeas Corpus: Que Se Apresente o Corpo (Secretaria de Direitos Humanos, 2010) e o e-book O Bispo e Seus Tubarões, sobre o impeachment de Fernando Lugo no Paraguai (Agência Pública, 2013). Como repórter e editora, venceu diversos prêmios de jornalismo,  entre eles o Prêmio Vladimir Herzog de Direitos Humanos (2005/2016), o prêmio Comunique-se (2016/2017), o Prêmio Trofeu Mulher Imprensa (2011/2013) e o prêmio Gabriel García Márquez (2016).

Em 2018, foi reconhecida como empreendedora social da rede Ashoka e passou a integrar o Conselho Reitor da Fundação Gabriel García Márquez.


Fake News Is Threatening Democracy In Venezuela

30 de junho de 2017 | por

When you are at the climax of polarization, the truth is seen as a betrayal

O Porto Maravilha é nosso

29 de junho de 2017 | por

O passado do porto do Rio é tão rico que é chocante o quão pouco se faz para resgatá-lo. Mistura de gamificação, sensibilidade e informação, o Museu do Ontem, primeiro app da Pública, traz um pouco dessa história

Maduro Justice: Secret Evidence and Military Courts for Venezuela’s Protesters

26 de junho de 2017 | por e

Taken by police on May 15, Carlos Ramírez waits in a military jail while the government looks for evidence against him. His case is not uncommon

Venezuela sin ‘fake news’

18 de junho de 2017 | por

“Olvide mucho de lo que leyó sobre Venezuela: no hay una catástrofe humanitaria ni Maduro está a punto de caer, pero hay manifestaciones casi todos los días y no las protagonizan terroristas, tal y como tratan de hacer creer los partidarios del gobierno”, explica Natalia Viana, reportera de Agência Pública

Presos políticos venezuelanos são processados em cortes militares

14 de junho de 2017 | por e

Desde maio, o governo de Nicolás Maduro está mandando manifestantes para prisões e tribunais militares. A Pública ouviu familiares e advogados dos presos na Venezuela

Venezuela sem fake news

13 de junho de 2017 | por

Esqueça muito do que você leu por aí: não há catástrofe humanitária nem Maduro está para cair; mas há manifestantes quase todos os dias nas ruas, e eles não são “terroristas”, como dizem os apoiadores do governo

Vídeo falso mostra policiais quebrando vidros em Brasília.

Vídeo que mostra policiais quebrando vidros em Brasília é falso

26 de maio de 2017 | por e

Checamos se PMs quebraram entrada de edifício público durante manifestação contra as reformas trabalhista e da Previdência

Meu nome não é Sininho

13 de abril de 2017 | por e

Três anos depois de estampar capas de jornais e o noticiário de TV acusada de liderar os adeptos do black bloc, Elisa Quadros recebeu a Pública para uma longa entrevista sobre as prisões, as ameaças e os traumas que ainda tenta superar

Sabesp quer aumentar tarifa residencial, mas continua dando desconto para grandes empresas

6 de abril de 2017 | por

A Pública obteve através da Lei de Acesso à Informação a lista de 464 empresas que têm contratos de demanda firme para abastecimento de água em São Paulo. Clientes como Volkswagen, Itaú e Nestlé pagam menos e consomem mais

Especial Vigilância

31 de janeiro de 2017

Série transmídia que investigou os diferentes aspectos do salto da vigilância no Brasil durante o ciclo dos megaeventos: o aparato tecnológico, as estratégias policiais contra manifestantes e o aparato legal montado para justificar essa repressão

100

20 de julho de 2016

Entrevistamos 100 famílias removidas por causa da Olimpíada no Rio de Janeiro