Agência de Jornalismo Investigativo

Agora, todos os documentos podem ser lidos pelo público brasileiro diretamente no site do WikiLeaks

15 de julho de 2011

Coroando o final da Semana WikiLeaks na Pública, todos os documentos provenientes do Brasil – da embaixada em Brasília e dos consulados em São Paulo, Rio de Janeiro e Recife – foram publicados no site do WikiLeaks.

São quase 3 mil documentos escritos pela diplomacia americana. Entre eles, 63 despachos do Departamento do Estado para os diplomatas no Brasil e 2919 telegramas enviados a Washington entre 2002 e 2010 (1947 provenientes da embaixada em Brasília e 909 dos consulados de São Paulo, Rio de Janeiro e Recife).

Entre esses documentos, apenas cerca de 1/5 são classificados – 468 são confidenciais e 73, secretos.

Agora, todos os documentos podem ser lidos pelo público brasileiro diretamente no site do WikiLeaks. Basta clicar no local de origem dos despachos, ou buscar por data. Outra possibilidade é usar o Cablesearch, um site que permite pesquisar os relatos diplomáticos por palavras-chave.

Esses documentos são muito relevantes – contam a história de todo o governo Lula a partir de olhos americanos, ao mesmo tempo em que os Estados Unidos começavam a perder peso no cenário mundial e enfrentar uma pesada recessão que dura até hoje.

É por isso que a Pública tem orgulho de ter colaborado com a sua divulgação.

Vamos publicar ainda algumas reportagens já produzidas pelo nosso time de repórteres independentes durante a Semana Wikileaks, e vamos prosseguir olhando e escrevendo sobre esse rico material durante os próximos meses – e não apenas do Brasil.

A novidade é que, agora, todos os internautas podem fazer o mesmo.

 

Mais recentes

Ministério de Direitos Humanos recebe quatro denúncias contra policiais militares por dia

19 de julho de 2018 | por

Nos últimos sete anos, Disque 100 recebeu 7.856 denúncias, com 9.496 vítimas

Condenação dos 23 é recado para impedir novas mobilizações, diz Eloisa Samy

18 de julho de 2018 | por

A advogada condenada a 7 anos de prisão por sua participação nas jornadas de junho de 2013 conversou com a Pública sobre a sentença

Clamor por justiça

17 de julho de 2018 | por

A jornalista britânica Jan Rocha, que foi correspondente da BBC durante o regime militar, traz um trecho inédito do livro recém-lançado sobre grupo de apoio às famílias perseguidas pelas ditaduras latino-americanas

Explore também

Truco, Maria do Rosário!

30 de outubro de 2015 | por

Segundo a deputada Maria do Rosário (PT-RS), 20% dos arranjos familiares no Brasil seriam desconsiderados pelo Estatuto da Família; questionamos a parlamentar sobre esse número e explicamos as estatísticas

Suêd Haidar, presidente do recém-criado Partido da Mulher Brasileira (PMB)

Partido da Mulher Brasileira não levanta a bandeira feminista

17 de dezembro de 2015 | por

Para presidente do PMB, Suêd Haidar, missão do partido é aumentar a participação da mulher na política; dirigente é contra o aborto e condena debate sobre a violência contra a mulher nas escolas

O presidente Michel Temer (PMDB), durante pronunciamento em resposta a denúncias

Gravação de Temer justifica impeachment?

19 de maio de 2017 | por

Checamos se há crime de responsabilidade na denúncia de que o presidente teria autorizado pagamento pelo silêncio de Eduardo Cunha e se omitido diante do relato da compra de um procurador