AGÊNCIA DE REPORTAGEM E JORNALISMO INVESTIGATIVO

Senadora exagera número de aposentados que recebem salário mínimo

Afirmação foi feita por Gleisi Hoffmann (PT-PR) durante entrevista, mas dados mostram que porcentual é menor

“Hoje 80% de quem é aposentado na Previdência ganha salário mínimo.” – senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), em entrevista à Rádio Brasil Atual no dia 30 de janeiro.

A senadora Gleisi Hoffmann,(PT-PR) afirmou que 80% dos aposentados ganham salário mínimo

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) durante debate no Senado. Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Convidada a falar sobre a Previdência Social em entrevista à Rádio Brasil Atual, a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) criticou a reforma previdenciária proposta pelo governo Temer e afirmou que 80% dos beneficiários de aposentadorias da Previdência Social são contemplados com apenas um salário mínimo ao mês. Procurado pela reportagem, o gabinete da senadora informou que o dado citado “está no Boletim Estatístico da Previdência Social, disponível no site da Previdência”.

[relacionados]

O dado apresentado por Hoffmann foi usado para criticar o fim da política de valorização do salário mínimo. Isso porque 2017 é o primeiro ano desde 2003 em que não houve aumento real do mínimo, ou seja, não houve reajuste acima da inflação. O aumento do salário mínimo para 2017 foi fixado em 6,48%, enquanto o reajuste da aposentadoria para quem ganha acima do salário mínimo foi de 6,58%. Desde 1997 o reajuste para benefícios que ultrapassam o piso não é maior que o reajuste do salário mínimo.

Para tentar descobrir se a informação é verdadeira, o Truco – projeto de checagem da Agência Pública – localizou a última edição do boletim estatístico citado pela assessoria da senadora, que data de dezembro de 2016, mas ele não traz a informação mencionada. O relatório informa apenas qual a porcentagem de beneficiários de todos os programas da previdência que recebe o piso previdenciário, que é equivalente ao salário mínimo. De acordo com a tabela 12 do boletim, 66% dos beneficiários da Previdência Social recebem um salário mínimo por mês. Outros 2,3% recebem valores inferiores ao piso previdenciário; isso ocorre porque, em alguns casos, o valor de uma pensão pode ser dividido entre mais de um beneficiário.

Já o número de brasileiros beneficiados pelo benefício da aposentadoria que recebe este valor por mês é um pouco inferior: 63% das aposentadorias pagas correspondiam ao salário mínimo em dezembro de 2016, de acordo com a assessoria de comunicação da secretaria de Previdência. O dado foi extraído pela área técnica do órgão, responsável pelos boletins estatísticos – como o que foi citado pela parlamentar – e não está disponível para consulta em nenhum site do governo.Exagerado

A alegação da senadora de que 80% dos aposentados brasileiros recebe um salário mínimo é, portanto, considerada exagerada, já que a afirmação não usa dados certos, mas aponta um conceito verdadeiro ou uma tendência correta. 

Entenda mais sobre a metodologia e sobre os selos de classificação adotados pelo Truco no site do projeto. Sugestões, críticas e observações sobre esta checagem podem ser enviadas para o e-mail truco@apublica.org.

[relacionados]

Tags: , , , , ,

Comentários

Opte por Disqus ou Facebook

  • Luiz Carlos

    O percentual citado pela senadora não inclui os que recebem Benefício de Prestação Continuada? Possivelmente a senadora considerou estes benefícios como aposentadorias.
    Após a a pesquisa, apresentaram o dado a senadora e ouviram suas considerações?????

    • Nyle Ferrari

      Olá, Luiz Carlos.

      Entramos em contato com o gabinete da Gleisi e informamos o resultado da checagem. A assessoria optou por não se manifestar.

      O primeiro número apresentado pela checagem, de 66%, diz respeito aos beneficiários de todos os programas da Previdência, incluindo o Benefício de Prestação Continuada, que recebem um salário mínimo. Já o segundo número, de 63%, abrange apenas os beneficiários do benefício da aposentadoria que recebem até um salário mínimo. Consideramos este número o mais fiel à afirmação da senadora, já que ela fala apenas em aposentados.

      Obrigada

  • Marcelo

    Entre um e dois salários mínimos 80%, ou seja, mesmo não sendo muito preciso a informação da senadora a previdência é muito injusta, uma vez que o salário mínimo é uma vergonha.