Agência de Jornalismo Investigativo

Andrea DiP

Começou no jornalismo de direitos humanos em 2001 na revista Caros Amigos e desde então já escreveu para diversos veículos. Na Agência Pública de Jornalismo Investigativo é repórter especial e cobre temas relacionados à gênero, sistema carcerário, infância, entre outros. Tem 5 prêmios de jornalismo em direitos humanos e em 2013 ganhou o Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo da ANDI para produzir, ao lado do quadrinista Alexandre de Maio, a primeira grande reportagem investigativa feita totalmente em quadrinhos no país. A matéria foi finalista do Prêmio Gabriel Garcia Marquez em 2015. Em 2016 recebeu o Troféu Mulher Imprensa na categoria site de notícias.


Mais recentes

Esperança perdida

22 de setembro de 2014 | por

Na 3a reportagem da série "Cartas na Mesa" movimentos LGBT lamentam recuo de Marina Silva na defesa e proteção da igualdade de direitos

Ex-detenta que ganhou processo por parto com algemas fala pela primeira vez

14 de agosto de 2014 | por

Carta enviada por mãe de ex-detenta deu origem a processo judicial

Maternidade condenada

11 de agosto de 2014 | por

Mesmo protegidos por diversas leis e tratados internacionais, mães encarceradas e seus filhos têm direitos violados

HQ

Meninas em Jogo

12 de Maio de 2014 | por e

Como um sonho ruim

19 de dezembro de 2013 | por e

Adolescentes falam do suicídio das meninas que tiveram imagens íntimas expostas na internet e revelam como é amadurecer em um mundo em que o virtual é real

Como um sonho ruim

19 de dezembro de 2013 | por e

Adolescentes falam do suicídio das meninas que tiveram imagens íntimas expostas na internet e revelam como é amadurecer em um mundo em que o virtual é real

“No mundo online eu posso me editar” diz especialista

19 de dezembro de 2013 | por e

Em entrevista exclusiva à Pública, Luís Mauro Sá Martino, o doutor em ciências sociais e autor do livro “Comunicação e Identidade: quem você pensa que é?” faz uma reflexão sobre a construção da identidade na era digital.

Contra o crack, disciplina, oração e trabalho

18 de novembro de 2013 | por

Comunidades terapêuticas religiosas são maioria na terceirização do combate ao crack promovida pelo governo federal. Para deputado que lidera o tema, drogadição é “desvio de caráter”

Clandestinas

17 de setembro de 2013 | por

A cada dois dias, uma brasileira (pobre) morre por aborto inseguro, um problema de saúde pública ligado à criminalização da interrupção da gravidez e à violação dos direitos da mulher

Lei é eficaz para matar mulheres, diz especialista

17 de setembro de 2013 | por

O ginecologista e obstetra Jefferson Drezett, que há mais de 10 anos coordena um serviço de abortamento legal no país explica porque o aborto pode ser considerado um problema de saúde pública

Violações marcaram processos contra milhares em MS

17 de setembro de 2013 | por

Livro retoma a nebulosa história da operação policial que invadiu uma clínica em Campo Grande (MS) e criminalizou quase 10 mil mulheres

Eles assistem tudo, depois é a vez deles

24 de julho de 2013 | por

Nos presídios de SP, crianças são obrigadas a assistir às revistas vexatórias das mães e a se despir diante das agentes para poder visitar os pais