Apoie!

Seja aliada da Pública

Seja aliada

Agência de Jornalismo Investigativo

Julia Dolce

Repórter e fotojornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e graduanda em fotografia pelo Senac. Trabalhou por três anos no jornal Brasil de Fato, cobrindo política e direitos humanos em texto, rádio e fotografia. Atualmente é repórter da Agência Pública e também escreve para o observatório do agronegócio De Olho nos Ruralistas. Em 2017, trabalhou por um mês in loco no site de notícias palestino Alternative Information Center, em Beit Sahour (Cisjordânia), onde produziu uma série de reportagens sobre o conflito Israel-Palestina. Foi finalista do prêmio Anamatra de Direitos Humanos de 2018, pela reportagem “Dispensa maternidade, histórias de mães demitidas após a gravidez”.

Mais recentes

Jornalistas arriscam a vida na crise do coronavírus em meio a demissões, cortes de salário e agressões do presidente

11 de maio de 2020 | por e

Enquanto presidente manda os jornalistas calarem a boca, pelo menos quatro profissionais já morreram durante a cobertura e muitos estão contaminados

“O problema não é o ataque contra o Cimi, e sim o ataque mortal contra os povos indígenas”, diz Dom Roque

6 de maio de 2020 | por

Conselho Indigenista Missionário é acusado de incitar conflitos no campo em carta publicada pela Funai; "Cimi não irá responder. Não vale a pena"

Geopolítica da pandemia: “A verdade é que hoje o Brasil é um pária internacional”, diz especialista em saúde global

27 de abril de 2020 | por

Para Deisy Ventura, cenário internacional mostra que suposta dicotomia entre proteção da saúde pública e proteção da economia, defendida por Bolsonaro, é “grande mentira”

Podcast: coronavírus e os isolamentos

17 de abril de 2020 | por , e

O terceiro episódio do podcast “A vida nos tempos do corona” fala de isolamento, justiça e dignidade

O que pensam os juízes que estão soltando presos em meio à pandemia

7 de abril de 2020 | por

O anúncio do Depen de que 30 mil presos foram beneficiados por recomendação do Conselho Nacional da Justiça assustou parte da população, mas juízes ouvidos pela Pública levam em conta os riscos para sociedade e para a saúde coletiva

Funcionários da Dasa afirmam que são orientados a trabalhar com sintomas da Covid-19

3 de abril de 2020 | por

Técnicos do maior laboratório da América Latina, que trabalham com testes do novo coronavírus, denunciam a ausência de EPIs e negligência médica da empresa; Dasa negou acusações em nota

Profissionais de saúde: “ou a gente se cuida, ou adoece”

27 de março de 2020 | por , , , , , , , , e

Profissionais do SUS enfrentam o coronavírus no corpo a corpo e reivindicam testes, equipamentos de proteção, e informação por parte de gestores e autoridades

Trabalho informal sem direito à quarentena: “Se eu ficar em casa como vou sobreviver?”

18 de março de 2020 | por e

Diaristas, motoristas, entregadores e ambulantes contam à Agência Pública como têm passado os primeiros dias de recomendação de isolamento em São Paulo

Fazenda de ex-governador de Rondônia está sobre um sítio arqueológico indígena

10 de março de 2020 | por

Território reivindicado por indígenas e quilombolas foi comprado pela família Cassol dos Camargo Corrêa em 2005; Incra afirma que contratos de compra e venda podem ser cancelados

“Queremos disputar nossa própria agenda na política”, afirma ativista indígena equatoriana

6 de março de 2020 | por

Vereadora feminista, Paolina Vercoutere lembra participação de mulheres indígenas nos protestos que pararam o Equador em 2019 e aponta novos desafios para o 8 de Março

Para educadora brasileira, este 8M visibiliza resistência de mulheres quilombolas, indígenas e campesinas

6 de março de 2020 | por

Após eleição de Bolsonaro, Luciana Silveira, integrante do Movimento Negro Unificado, denuncia ataques aos povos tradicionais e diz que as mulheres são as mais afetadas

“Levante do povo chileno é sustentado pela luta das mulheres indígenas”, diz liderança Mapuche

6 de março de 2020 | por

Em meio à rebelião popular que já dura quase 5 meses, Gabriela Curinao fala da grande marcha planejada para o 8M com bandeiras específicas como o direito ao aborto seguro e o fim da violência de gênero