Apoie!

Seja aliada da Pública

Seja aliada

Agência de Jornalismo Investigativo

Ana Aranha

Repórter e documentarista, tem 14 prêmios de jornalismo. Atualmente é editora responsável pela produção de jornalismo da Repórter Brasil. Trabalhou como repórter da revista Época, foi repórter especial da Agência Pública e colaborou para os jornais The Guardian, El Mundo, assim como para as revistas Veja, Marie Claire, Roling Stones e GQ. É co-diretora do documentário “Slaves To Fashion”, produzido pela Al Jazeera. Fez roteiro, produção e pesquisa do documentário “Jaci”, uma produção da Repórter Brasil com a colaboração da Agência Pública que ganhou três prêmios, entre eles o Gabriel García Márquez de Jornalismo.


Mais recentes

A batalha pela fronteira Munduruku

11 de dezembro de 2014 | por e

Indígenas proclamam a autodemarcação da terra que pode parar a hidrelétrica de São Luiz do Tapajós, a nova menina dos olhos do governo federal. Assentada em solo sagrado, a área seria alagada pela usina. “A gente não sai”, diz cacique

Um aviso à Funai

29 de novembro de 2014 | por e

De Itaituba (PA) acompanhamos a ocupação dos Munduruku à sede da Funai. Eles exigem a demarcação das suas terras, ameaçadas pela UHE São Luiz do Tapajós

Os trabalhadores que pararam o progresso

4 de dezembro de 2012 | por

Protagonistas de greves que ganharam projeção nacional, os operários que constroem as usinas em Rondônia continuam vivendo sob pressão e riscos de acidentes

A guerra dos megawatts

30 de novembro de 2012 | por

Enquanto as empresas disputam entre si para extrair o máximo de energia do rio Madeira, aumentam os impactos das obras sobre a população local e o meio ambiente

Um rio em fúria

30 de novembro de 2012 | por

Ondas engolem casas, e peixes aparecem mortos, enquanto pescadores passam fome. A usina de Santo Antônio mudou o rio e a vida em Rondônia

Vidas em trânsito

30 de novembro de 2012 | por

Em meio às obras em Rondônia, milhares de homens e mulheres se encontram e desencontram, e o dinheiro desaparece com a mesma velocidade que surge, em meio a sexo, violência e ausência dos órgãos públicos

"Eu quero estudar", diz Iara, empregada doméstica desde os 14 anos

1 de outubro de 2012 | por

Famílias do interior do Pará enviam filhas para estudar em Belém, onde trabalham como empregadas domésticas. Mas o serviço vira cativeiro e elas mal conseguem ir à escola

O dinheiro sumiu da escola; e a educação também

1 de setembro de 2012 | por

Pública foi ao Pará em busca dos investimentos destinados à educação . Encontrou salas em ruínas, alunos sem livro, caderno, merenda e até sem aula.

O Futuro da Amazônia

12 de julho de 2012

Série de jornalismo de dados sobre a educação de crianças e jovens na região norte

As vozes da tortura. Veja o vídeo

29 de junho de 2012 | por

A pastoral carcerária gravou depoimentos de vítimas de tortura em 20 estados brasileiros. Os relatos vão de espancamentos pela polícia civil e militar no momento da prisão até repetidas agressões dentro de unidades de detenção.

“Não vai falar, vagabunda?”, dizia o torturador

28 de junho de 2012 | por

Policiais torturam para forçar confissões, agentes penitenciários torturam para castigar os presos. Há centenas de denúncias todos os anos mas poucos agentes do Estado são punidos.

Sem escolta, líder do Amazonas tem que deixar sua comunidade

23 de maio de 2012 | por

Escolta de liderança ameaçada por madeireiros no sul do Amazonas é interrompida pela SeDH; sob risco de vida, Nilcilene teve que deixar sua comunidade